Para que os estudantes tenham um desenvolvimento saudável, tanto mental quanto físico, um bom ambiente escolar é essencial para o processo. Os gestores das instituições precisam promover um local sadio, no qual os alunos tenham liberdade para interagir com funcionários, colegas e professores.

Ao promover uma gestão saudável, é possível que os alunos não vejam a escola como uma obrigação, mas como um local de diversão e aprendizagem. Com isso, o uso da tecnologia nesse processo é fundamental. Utilizar aparelhos eletrônicos como tablets, smartphones e notebooks nas aulas é uma necessidade que acompanha a evolução cognitiva e intelectual dos estudantes.

Assim, os professores precisam entender que a aula tradicional, focada apenas nos livros, já não é mais uma realidade dos estudantes dessa geração. Por isso, neste post, vamos fornecer 4 dicas para a construção de um ambiente escolar mais saudável na sua instituição. Confira!

1. Incentive a socialização

A escola tem um papel muito importante no desenvolvimento social de seus estudantes. Nela, eles aprendem a trabalhar em grupo e criam suas relações interpessoais.

Assim, para facilitar o processo, destine uma área de rodas de bate-papo, reuniões, apresentação de projetos e um espaço de descanso durante os intervalos. Isso vai estimular a troca de ideias sobre vários assuntos, favorecendo a socialização e tornando o ambiente escolar mais agradável.

2. Estimule o uso da web para trabalhos

Com a tecnologia cada vez mais presente no ambiente escolar, os professores podem instigar os alunos e promover a elaboração de trabalhos interdisciplinares. A ideia é proporcionar um projeto e convidar a todos que possam contribuir para o seu andamento.

Suponha que o educador solicite a criação de um aplicativo para cegos. Assim, os estudantes podem procurar todas as informações relacionadas ao tema, como: obter relatos de pessoas cegas, tipos de deficiência visual, solicitar ajuda da equipe de informática, entre outros.

3. Interaja com os alunos por meio das redes sociais

Os estudantes costumam ficar boa parte do tempo nas redes sociais. Por isso, aproveite esse grande interesse que sentem por essas plataformas criando redes de contato um grupo no Facebook, por exemplo. Nesse ambiente, o educador pode disponibilizar qualquer material que possa tornar a aula mais interessante.

Ademais, os alunos conseguem conciliar o estudo com momentos de relaxamento, o que intensifica o rendimento escolar. Outra grande vantagem é que as dúvidas podem ser respondidas mais facilmente, já que muito estudantes não têm um contato com o professor.

4. Faça uso da gamificação

A gamificação pode ser uma excelente maneira de trazer a inovação para o ambiente escolar. Na internet, há uma série de jogos com o propósito educativo e muitos deles são direcionados a uma disciplina específica. Com isso, é possível encontrar muitos tipos de jogos para os diversos campos de estudo.

O uso da gamificação pode despertar o interesse dos estudantes e criar um tipo de competição, o que faz com que eles aprendam enquanto se divertem. Outra grande vantagem é que muitos jogos são gratuitos e estão disponíveis para os smartphones.

Como foi visto, o ambiente escolar é muito importante para uma boa gestão e pode influenciar diretamente no rendimento e satisfação dos estudantes. Quando utilizada de forma cautelosa e didática, a tecnologia em sala de aula pode trazer diversas vantagens para o professor e os alunos.

Assim, é preciso criar um local tecnológico, confortável e amplo, para que a escola seja vista como o centro de interesse dos alunos.

Gostou do nosso conteúdo e quer saber mais? Então confira 5 recursos visuais para inovar em suas aulas!