Os alunos de hoje estão integrados ao mundo tecnológico. Eles utilizam bastante os computadores, tablets e smartphones. Nesses dispositivos há uma infinidade de imagens, vídeos e outros modelos audiovisuais que prendem sua atenção. Por que não aproveitar desses recursos visuais para as aulas? 

Esse tipo de estratégias abarca os elementos que a transformação digital tem influenciado o ensino das escolas. Entre as vantagens desse processo, podemos citar a maior participação dos alunos e o desenvolvimento de habilidades interdisciplinares. 

Hoje em dia é possível encontrar diversas tecnologias com essas finalidades. Quer conhecer algumas delas? Acompanhe este texto e conheça 5 recursos visuais que vão deixar suas aulas mais instigantes. Confira!

1. Paint 3D

Quem disse que só se aprende com livros e aulas expositivas? Há outras maneiras mais modernas e envolventes. É o caso o Paint 3D, que permite criar círculos, estrelas, triângulos e desenho livres com uso do pincel.

Também é possível copiar e colar facilmente seu modelo 3D em apps do Microsoft Office. Além do mais, dá para girar seus modelos 3D com mais precisão, visualizando quantos graus de rotação você pode posicioná-los. 

2. Flipgrid

Ao falar em recursos visuais para as aulas, não podemos esquecer dos vídeos. Eles são empolgantes, ajudam a compartilhar conteúdo, geralmente são mais fáceis de serem produzidos do que textos e apresentam grande aceitação por parte dos estudantes. 

Uma ferramenta que tem tudo a ver com esse recurso visual é a plataforma Flipgrid. Nela, é possível que os alunos discutam e respondam a tópicos com videoclipes em casa ou na escola. Basta produzir o vídeo e começar a interação.

3. Microsoft Sway

Já pensou em criar apresentações online, projetos e materiais interativos de forma prática e rápida? O Microsoft Sway faz isso. Ele é adaptado a diversos dispositivos, tais como smartphones e tablets. Com essa integração, é possível incluir textos e imagens, publicações de arquivos no OneDrive, vídeos do YouTube e uma infinidade de recursos para deixar a aula mais chamativa.

Por exemplo, o professor pode criar uma coleção digital dos trabalhos dos estudantes. Basta coletar, diariamente, fotos e vídeos das atividades. Ao fim do período, educadores, pais e alunos podem avaliar e desfrutar do que foi documentado, destacando o progresso da aprendizagem. 

4. Microsoft Whiteboard

Escrever no quadro de giz é coisa do passado. Hoje em dia, os estudantes precisam de algo com maior apelo visual e o professor precisa se afastar do pó de giz. Unindo esses dois interesses, está o Microsoft Whiteboard

Essa tecnologia transforma o tablet em uma lousa digital. Com ela, o docente consegue criar uma aula de forma interativa. Por exemplo, pode incluir figuras, cores e desenhos, além de gravar um áudio com a explicação. Fácil, prático e acolhedor, não acha?

5. Canva

Ao elaborar uma imagem para poder ilustrar a aula, o professor geralmente recorre a softwares de edição de imagens. Contudo, nem todos dominam o Photoshop. É preciso buscar algo mais simples, mas que ofereça qualidade ao trabalho. 

Nesse sentido, o Canva pode ajudar. Essa é uma ferramenta que permite a criação de conteúdos gráficos sem a necessidade de conhecimento na área do design. Com suas diversas funcionalidades, é possível criar apresentações, posters e imagens que motivarão alunos desinteressados.

Esses foram alguns recursos visuais para as aulas. É importante destacar que antes de aplicar esses dispositivos, a escola deve investir na capacitação de professores em tecnologias. É importante que o docente não aprenda apenas a ter familiaridade com os recursos, mas também saiba utilizá-los de forma criativa e voltada para as disciplinas que leciona.

Gostou das informações? Deixe seus amigos saberem disso também. Compartilhe este texto nas redes sociais!