Em 2020 o mundo foi convocado, devido ao novo coronavírus, a lidar com outras formas de ensino. Muitas escolas se adaptaram rapidamente à nova rotina do ensino remoto com o objetivo de atender seus estudantes da melhor forma possível.

Professores, gestores, pais e alunos em pouco tempo aprenderam a utilizar ferramentas que até então eram desconhecidas por muitos deles. Foi um processo de mudança que, às vezes, vinha acompanhado de muito estresse.

Pensando em todo esse contexto que trouxemos esse conteúdo. Aqui você verá quais são os principais desafios enfrentados pelos educadores envolvendo o ensino a distância e a educação básica. Além disso, você conhecerá algumas estratégias para vencê-los. Boa leitura!

Falta de preparação dos professores para lidar com a tecnologia

Os professores são formados em pedagogia, letras, matemática, história, sociologia, filosofia, geografia, história, entre outros. Durante a faculdade, eles conhecem muitas metodologias de ensino, aprendizagem e avaliação. Aprendem sobre psicologia da educação e a criar estratégias de ensino que visam melhorar, cada vez mais, o desempenho do aluno.

Atualmente, muitos cursos de licenciatura ainda não apresentam disciplinas que envolvam tecnologia e aprendizagem. Por exemplo, nos cursos de letras, nos últimos anos, houve um aumento dos alunos que desejam elaborar pesquisas que envolvem vídeo-game e aprendizagem de línguas, mas a disciplinas que envolvem essa temática existem em poucas universidades.

Sendo assim, essa é uma situação completamente nova para muitos professores. As ferramentas que foram adotadas de forma muito abrupta pediram deles muita dedicação e muito tempo em frente ao computador.

Insatisfação dos pais em relação ao aprendizado dos filhos

Além dos professores, muitos pais ficaram extremamente incomodados com a nova realidade. Afinal, o educador que acompanhava o aluno diariamente com suas metodologias e tarefas, agora, não está mais tão próximo.

Imagine: dentro de sala de aula, sabemos que cada aluno tem sua personalidade e por meio dela expressa de diferentes formas as suas habilidades e competências. Alguns são expansivos outros muito tímidos.

Para lidar com alguns alunos, o professor, por meio de sua percepção e experiência, é capaz de notar se há algum discente com dúvidas, que ainda não consolidou a aprendizagem ou que está incomodado com algo.

Com as aulas remotas, o educador perde esse contato e é aí que, apesar de toda boa vontade, ele não conseguirá perceber com tanta facilidade qual aluno aprendeu ou não. É nesse contexto que os pais podem ficar muito preocupados.

Os professores compreendem o tempo do aluno e sabem que em algum momento eles aprenderão, é preciso paciência e persistência. No entanto, pais e mães, que não são licenciados, podem entrar em desespero e acreditar que o filho nunca aprenderá.

O que fazer para tornar as aulas mais agradáveis e tranquilizar os pais

Para os educadores no contexto do ensino remoto, tornar as aulas mais agradáveis e tranquilizar os pais é um grande desafio, mas é possível. O importante é pensar em quais estratégias podem ser positivas para o perfil de sua turma. Conheça algumas dicas abaixo:

  • se os alunos forem do Ensino Médio e os encontros estiverem acontecendo online, é possível inverter o papel do professor: ao invés de você elaborar questões e lista de exercícios para eles, peça que eles os façam. Depois é só corrigir e compartilhar com a turma as atividades. Por último, discuta as questões com o grupo;
  • há a possibilidade de deixar o trabalho mais leve para aqueles alunos que não se sentem confortáveis por trás das câmeras. Peça-os que enviem áudios no Whatsapp explicando a matéria ou esclarecendo algum exercício;
  • as aulas podem ser mais diversificadas com a participação de outras pessoas da comunidade que têm algo transmitir, como “contação de histórias”, um musical, um recital de poemas, entre outros.

Apesar de esse ser um momento difícil, é importante acompanhar todas as mudanças que acontecem no mundo da tecnologia da educação. Com certeza, você descobrirá ferramentas que podem auxiliar tanto no ensino remoto, quanto no presencial, assim que todos puderem retornar com segurança.

Notou como o ensino remoto trouxe vários desafios, mas com algumas pesquisas conseguimos encontrar novas estratégias de ensino e aprendizagem?

Quer ficar por dentro do assunto e se manter atualizado? Então, Compartilhe com seus amigos e siga nossa página no Facebook e no LinkedIn. Sempre levaremos as melhores novidades para você!