A realidade virtual em sala de aula é uma dinâmica de ensino que utiliza a tecnologia para melhorar o processo de aprendizagem dos estudantes. Não é para menos: ela tem ganhado cada vez mais espaço nas instituições escolares devido à constante inovação e interatividade dos seus produtos.

A educação é um dos principais objetivos da ferramenta, que propicia ambientes virtuais em que é possível reproduzir vivências e facilitar a compreensão de diversas disciplinas. Isso faz com que a apreensão de conceitos torne-se muito mais eficiente e inovadora, diferentemente do método tradicional.

Interessou-se pelo assunto? Então continue a leitura deste post e descubra 5 motivos para usar a realidade virtual em sala de aula!

O que é a realidade virtual

A realidade virtual é uma tecnologia que permite a imersão em ambientes de simulação, utilizando-se um sistema computacional. Os equipamentos e sensores do aparelho fazem com que os sentidos e outras situações sejam estimulados no usuário, por meio de efeitos visuais, sonoros, táteis, entre outros.

Assim, é possível experimentar a interação com diversos objetos e paisagens — presentes ou não no mundo real. Na sala de aula, os professores devem utilizar os recursos nas diversas disciplinas, contando com o apoio de capacetes, luvas e sensores.

Dessa maneira, a tecnologia tende a transformar completamente a forma como os conteúdos são repassados, além de engajar os estudantes a serem protagonistas do seu próprio processo de aprendizagem.

5 motivos para utilizar a realidade virtual em sala de aula

A realidade virtual oferece inúmeros benefícios para motivar alunos e professores. Por isso, conheça a seguir 5 motivos para utilizar o sistema na sua instituição de ensino.

1. Ajuda na compreensão

Uma das principais razões para adotar a realidade virtual em sala de aula é devido à melhoria da compreensão e a concretização de ideias pelos estudantes. Por exemplo: nas aulas de ciências, é possível visualizar como funciona o corpo humano e ter um aprendizado muito mais efetivo dos sistemas e das descrições de cada órgão. Isso evita falhas e interpretações equivocadas sobre diversos conteúdos.

2. Melhora a estruturação das atividades

A possibilidade de estruturar atividades mais interessantes para a turma é uma das vantagens. A realidade virtual, por exemplo, pode levar os alunos a explorarem determinada época histórica, ter acesso a locais distantes e ver de perto algum objeto que está inacessível. Isso faz com que os professores tornem as suas aulas mais dinâmicas e atrativas para todos.

3. Facilita a prática

O potencial tecnológico da ferramenta faz com que a aprendizagem em sala de aula obtenha também melhores resultados na prática. Isso acontece porque os estudantes podem utilizar inúmeros recursos, como bate-papos virtuais, em que as dúvidas chegam diretamente para o professor — que entende em que pontos a turma tem mais dificuldade na interpretação das informações e dos conceitos.

4. Treina habilidades

As simulações realizadas pela realidade virtual ajudam os alunos a aprenderem diversas habilidades, podendo servir, inclusive, para treinamentos em cenários realistas. Dessa forma, o ensino torna-se muito mais rápido, além de evitar inúmeros riscos relacionados a situações reais e desconhecidas pela maioria. Nesse caso, é possível adquirir um conhecimento mais completo das disciplinas e suas teorias.

5. Engaja para a colaboração

Nesse ponto, uma das maiores contribuições é em relação à melhoria da colaboração e da comunicação entre a turma. Isso se dá devido ao aumento da motivação para a construção do conhecimento, que deve ser conjunta. Assim, cada aluno pode dar a sua contribuição, visando a criação de atividades colaborativas e uma melhor interação social.

A realidade virtual em sala de aula possibilita inúmeras vantagens para as instituições escolares e para a melhoria do processo de aprendizagem dos estudantes. Os professores que contam com o apoio extra da tecnologia têm muito a ganhar, inclusive em relação à melhoria do relacionamento com a turma. Sem dúvidas, a aposta na ferramenta é um grande diferencial para a educação e todos os seus envolvidos!

Gostou do conteúdo? Aproveite a visita e acesse também o guia de ferramentas de aprendizagem da Microsoft Education. Até a próxima!