O processo educacional de um ser humano envolve múltiplas maneiras de aprendizado e desenvolvimento, sendo importante explorar o máximo de cenários possíveis. Dentro desse contexto, a educação não formal é uma forma de proporcionar crescimento para os seres humanos.

Neste artigo, vamos entender o que é a educação não formal e qual a importância dela na vida pessoal e no desenvolvimento de habilidades. Confira!

O que é a educação não formal?

A educação não formal pode ser definida como aquela que ocorre fora do sistema tradicional de ensino. Ela é feita de maneira organizada, mas os resultados da aprendizagem não são analisados formalmente. Portanto, organiza o processo de ensino e aprendizagem sem seguir vários requisitos formais, sendo que não existe para substituir o método formal, e sim, para complementá-lo.

O ser humano adquire conhecimentos por suas próprias experiências ao longo de toda sua vida. Ele aprender por meio de relações sociais com outros indivíduos, no âmbito familiar e em instituições educadoras formais e não formais.

A educação não formal é um processo de aprendizagem social focado no indivíduo, por meio do desenvolvimento de atividades fora do ambiente escolar. Uma das características desse tipo de educação é a possibilidade de utilização de locais diferentes daqueles que o ensino formal costuma usar, sendo que ela pode ocorrer em ONGs, instituições religiosas, programas sociais públicos, dentre outras alternativas.

Portanto, ela pode ser realizada em qualquer ambiente, desde que tenha uma dinâmica diferente da tradicional e utilize ferramentas didáticas que sejam atrativas. Os espaços devem ser prazerosos, valorizando as emoções e motivações, e contribuindo para aumentar o interesse dos alunos.

Qual a importância dela para o desenvolvimento pessoal?

A educação não formal traz benefícios para a vida pessoal de cada ser humano. Por meio dela existe uma liberdade nos métodos de ensino e também para aprender. Desse modo, fica mais fácil atender às necessidades individuais, que são naturais de cada indivíduo.

A aprendizagem é realizada por meio do desenvolvimento de habilidades e competências que ocorrem na forma prática e não somente com um currículo organizado, como no ensino formal. Isso pode ser feito por meio de atividades lúdicas, por passeios em locais históricos ou mesmo visita uma biblioteca, por exemplo.

Desse modo, conteúdos diferentes são abordados, de modos distintos. Isso possibilita o desenvolvimento de habilidades que complementam o currículo escolar do aluno, preparando-o para os desafios da vida adulta. Competências que são necessárias para o cotidiano são adquiridas, dando aos indivíduos mais capacidade para lidar com os problemas comuns da vida, algo que raramente é abordado em uma escola tradicional.

Como vimos durante o artigo, a educação não formal é importante para desenvolver habilidades que o ensino tradicional não oferece para os alunos. Dentro desse contexto, as escolas podem ser incentivadoras dos métodos não formais, pois é uma maneira de engajar os alunos e protegê-los nos momentos em que se encontram fora da instituição.

Gostou do conteúdo de nosso artigo? Então, compartilhe o texto nas redes sociais e contribua para que mais pessoas aprendam sobre a importância da educação não formal!