Muitos professores sentem dificuldade em chamar a atenção dos estudantes na abordagem de algumas disciplinas. No entanto, essa situação pode ser facilmente resolvida ao estimular a criatividade em sala de aula.

Existem diversas formas e alternativas que podem ser utilizadas para tentar amenizar a falta de atenção e a dificuldade da turma. O educador, nesse caso, deve entender que é ele, em primeiro lugar, o responsável por aplicar as mudanças, fazendo com que o desempenho geral aumente consideravelmente.

Quer saber mais sobre o assunto? Então acompanhe o artigo e descubra como estimular os estudantes a terem mais criatividade em sala de aula!

Entenda a importância do estímulo à criatividade em sala de aula

A criatividade, quando devidamente incentivada pelo educador, auxilia no processo de desenvolvimento de novas habilidades nos alunos. Assim, é possível conquistar o interesse para os conteúdos ao dialogar com a realidade da turma, que atualmente anda bastante conectada às ferramentas tecnológicas.

Por isso mesmo, muitos professores têm utilizado os meios digitais para captar a atenção em sala de aula. Eles contribuem, principalmente, para uma melhor compreensão das disciplinas, mas também são responsáveis por aumentar o engajamento dos estudantes, que demonstram muito mais eficiência nos estudos quando têm acesso a outros tipos de abordagem.

Dessa forma, os materiais didáticos, assim como as aulas expositivas, devem basear-se em uma dinâmica que incite o aprendizado com as experiências reais e cotidianas. O estímulo à criatividade, nesse caso, pode fazer com que diversas dificuldades sejam superadas, pois favorece o surgimento de novas ideias e utiliza da curiosidade sobre os mais diversos temas para realizar o processo educativo.

Sem dúvidas, contar com práticas pedagógicas inovadoras pode gerar diversos benefícios. Sem contar que o mercado de trabalho tem requisitado profissionais cada vez mais diferenciados para os cargos, que possam contribuir de forma dinâmica e propor novos projetos e soluções para o cotidiano das empresas.

Descubra como estimular a criatividade nos estudantes

A seguir, separamos algumas dicas para promover ainda mais o desenvolvimento da criatividade em sala de aula. Confira!

Incentive o aluno a expressar o que aprendeu

É sempre importante avaliar o desempenho do aluno, mas deve-se evitar ao máximo criar um ambiente de competitividade e conflito, fazendo com que ele se sinta frustrado. Dessa forma, o professor pode propor exercícios e abordagens para entender como o estudante captou o conhecimento repassado.

O educador deve solicitar atividades que estimulem a criação e as diferentes habilidades, como músicas, teatro, desenhos, textos, jogos, entre outros. Com isso, é possível averiguar se o método de ensino tem sido eficaz e se a turma tem captado os conteúdos.

Faça questionamentos

Outra maneira de estimular a criatividade é por meio de questionamentos e debates sobre as disciplinas e seus respectivos temas de estudo. Portanto, é interessante propor comparações e criar pontes entre a sala de aula e o mundo real.

Isso vai possibilitar o entendimento de que a teoria é essencial para compreender como e por quais razões alguns acontecimentos cotidianos ocorrem. Por outro lado, os estudantes vão valorizar muito mais as informações trazidas pelo professor, evitando que as avaliações venham recheadas de conteúdos decorados, apenas com o intuito de passar em uma prova, por exemplo.

Promova um ambiente propício à criatividade

De nada adianta cobrar engajamento da turma se o ambiente não é favorável e propício para o desenvolvimento da criatividade. Assim, o educador deve se responsabilizar e levar alternativas que auxiliem na explicação dos temas estudados.

O ideal é aproximar-se ao máximo da linguagem e do universo dos alunos, possibilitando um espaço flexível e instigante. É possível, por exemplo, transmitir o aprendizado de alguns conteúdos por meio de músicas, filmes, séries etc., ou seja, os meios que a turma mais utiliza para se entreter e se divertir.

Proponha atividades lúdicas

Ao realizar atividades lúdicas como jogos, desenhos, pinturas, artes cênicas e outras, o professor aumenta ainda mais a chance de chamar a atenção em sala de aula. Não é só isso: é possível estimular uma série de capacidades e habilidades, como a expressão artística e uma melhor desenvoltura para falar em público.

Sem contar que as atividades podem influenciar positivamente na socialização de estudantes tímidos ou até mesmo daqueles que sentem mais dificuldade com as abordagens tradicionais. Dessa forma, o ambiente escolar acaba servindo também para dar vazão às diferentes ideias e pensamentos, representando um verdadeiro espaço de criação para os alunos.

Realize atividades extraclasse

Organize, sempre que puder, atividades extraclasse que favoreçam uma formação mais completa para a turma. Pode ser uma simples visita a um parque próximo da escola ou ainda a museus com exposições artísticas.

Esses passeios proporcionam o desenvolvimento de novas experiências e o estímulo ao pensamento crítico. É importante considerar, inclusive, que esses momentos servem também para incluir a cultura e a arte no cotidiano da turma. Bastante diferente do que simplesmente expor um conteúdo no quadro, não é mesmo?

Faça uso da tecnologia em sala de aula

Como já citamos, utilizar ferramentas de tecnologia educacional pode ser um verdadeiro salto para a educação em sala de aula. Atualmente existem diversas formas de incluir a inovação em sala de aula, como aplicativos, jogos digitais etc.

Entre eles, destacamos o Minecraft Education Edition, que já é bastante familiar para a maioria das crianças e dos jovens. Ele consiste em um jogo interativo, em que os alunos criam realidades virtuais de acordo com o comando do educador. É possível transmitir, assim, diversos conteúdos da grade curricular, utilizando os inúmeros recursos disponibilizados pela tecnologia.

Como visto, o estímulo à criatividade em sala de aula depende exclusivamente do professor. Entretanto, é possível contar com a parceria de empresas que oferecem soluções tecnológicas para otimizar o aprendizado dos estudantes. As ferramentas digitais atualmente disponíveis no mercado auxiliam e tornam o processo de ensino ainda mais divertido e prazeroso, fazendo com que muitas dificuldades sejam superadas.

Gostou do nosso conteúdo? Quer conhecer uma empresa de consultoria em tecnologia educacional para a sua instituição escolar? Então entre em contato com a Trivium e conheça todos os serviços que oferecemos!